22.01.2016

Carlos Franco é o novo Director de Instalações Existentes e Reparações da Schindler Ibéria

O Grupo Schindler tem desde o início deste ano uma nova organização corporativa para a Península Ibérica, com duas novas áreas na Direção de Linha de Negócio: Direção de Novas Instalações e Modernizações, sob a responsabilidade de José Manuel Nieto e a Direção de Instalações Existentes e Reparações, cargo para o qual foi nomeado Carlos Franco, que transita de Diretor Regional Sul de Portugal para este novo desafio. Carlos Franco reporta diretamente ao CEO Schindler Ibéria, Julio Arce.

Sr. Carlos Franco, novo Director de Instalações Existentes e Reparações da Schindler Iberia

Esta nova estrutura, definida por iniciativa de Silvio Napoli, CEO do Grupo Schindler, no âmbito do projeto Fast Forward, representa uma consolidação da fusão feita ao longo de 2015 entre Portugal e Espanha, passando a Schindler Ibéria a ser uma das maiores estruturas da multinacional suíça.

Carlos Franco, português, natural de Lisboa, de 56 anos, é formado em Contabilidade e Administração e o seu percurso profissional fez-se, ao longo dos últimos anos, na área financeira. Após dez anos a trabalhar por conta de outrem, abriu o seu próprio negócio e mais tarde foi convidado para o Departamento de Administração do Grupo Schindler (1999), ficando responsável pelas áreas de contabilidade, fiscalidade e serviços gerais. Em 2003, assumiu a pasta de Instalações Existentes da empresa e posteriormente, em 2005, liderou a sucursal da área de Novas Instalações e Instalações Existentes. Em 2007, Carlos Franco foi distinguido com o Schindler Award, numa cerimónia na Suíça, pelo seu desempenho na organização. No final de 2015, Carlos Franco era responsável pela gestão de um portfólio de 4.600 unidades, com um volume de negócio de 7,5 milhões de euros e uma equipa com cerca de 74 colaboradores, desde técnicos a supervisores. Em 2014, a sua sucursal foi considerada a melhor da Península Ibérica.

“A Schindler Ibéria é uma forte aposta do Grupo Schindler e é com muito entusiasmo que encaro este novo desafio. Assumir a responsabilidade da interligação ibérica na Linha de Negócio de Instalações Existentes, pela implementação de BDP (Best Demostrated Practice) de cada país e pelo apoio às Direções de Operações, é uma oportunidade fantástica e sem dúvida de grande exigência, à qual espero conseguir corresponder”, afirma Carlos Franco.